quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Ser mãe de adolescentes é:


Oi amores .. Achei um texto em um blog que achei na net.
Eu que sou mãe de três Adolescentes..Resolvi compartilhar pra quem é mãe de adolescente, pra quem já foi e principalmente pra quem vai ser…Boa Sorte.Esses três são meus filhos..Ronaldo Gabriel 16 anos...Rodrigo Daniel 14 anos..Robinson Luiz 12 anos.Meus Amores, Minha Razão de viver..Meu tudo.S2



Ser mãe de adolescentes é:



. É não saber mais o que dizer

. É não saber mais que hora conversar

. É não saber mais a hora de calar

. É ouvir que a mãe do amigo é mais legal do que você.

. É ter que falar que: sempre a mãe do outro é melhor.

. É ouvir que você ama mais o outro que ele

. É ouvir que querem liberdade.

. É ver que eles não têm responsabilidade

. É ainda ter que lembrar, que tá na hora do banho

. É viver todo dia com alguém com TPM.

. É não ser mais o super herói

. É não ser mais a pessoa mais linda do mundo

. É não ser mais a pessoa mais inteligente do mundo

. É fazer o molho de macarrão, e ele querer comer macarrão com manteiga.

. É ouvir, “você não me entende”

. É saber que tudo passa, não adianta ficar se descabelando.

. É ver que seus filhos estão maiores que você.

. É lembrar quando a sua mãe dizia, aproveita enquanto você pode pegar na mão e levar aonde quiser ela estava certa.

. É lembrar que filho criado trabalho dobrado.

. É saber que você vai ter saudade dessa fase.

. É saber que a profissão “mãetorista” existe mesmo.

. É tentar fazer tudo para agradar

. É nunca conseguir agradar

. É receber um beijo meio que escondido

. É sentir orgulho pelos progressos deles

. É se emocionar quando percebe que eles por mais que tentem esconder, ainda te ouvem.

. É saber que você tem que ser mãe, porque mãe dá limites, amigos eles já têm de monte.

. É ter a impressão que eles se sentem o centro do Universo.

. É eles acharem que você é dona de um Banco.

. É não dormir mais cedo nos finais de semana.

. É ter que acordar de madrugada para ir buscar

. É se sentir sozinha

. É se sentir insegura.

. É se sentir a carrasca.

. É ter muito medo

. É parar e pensar que ter meus filhos foi a melhor decisão da minha vida.

. É saber que agora estão crescendo para o mundo.

. É saber que eu fiz o melhor possível.

. É saber que eu fiz o que na hora achava certo.

. É saber que eu posso errar.

. É não sentir culpa de Ter errado.

. É ter muitos momentos felizes.

. É pensar sim, eles são importantes, mas não posso esquecer de mim.

. É saber que para eu estar bem com eles eu preciso estar bem comigo.

. É saber que tudo valeu a pena.

. É saber que eu os amo, e isso é o que importa.